sexta-feira, 15 de abril de 2016

I Curso Teórico de Produção de Sementes Florestais

A Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes – ABRATES promove de 20 a 24 de junho de 2016, a primeira edição do Curso Teórico de Produção e Tecnologia de Sementes Florestais Tropicais, que será realizado no Auditório do Crystal Palace Hotel, localizado à Rua Quintino Bocaiuva no 15, no centro da cidade de Londrina, PR.


A programação do curso tem como referência, em especial, a edição do livro “Sementes Florestais Tropicais: da ecologia à produção”, publicado em 2015, tendo como organizadores Profa. Dra. Fatima C. M. Piña-Rodrigues, Dra. Márcia Balistiero Figliolia e Dr. Antonio da Silva, que serão também palestrantes do curso.

domingo, 31 de janeiro de 2016

Legislação de produção de sementes e Mudas florestais.

Embora recentemente a IN 56 do MAPA tenha sofrido alterações e atualizações, até a divulgação da nova IN, a antiga ainda é válida.
Assim segue uma importante colaboração ao processo de produção de sementes e Mudas florestais.

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/122008/1/cpamt-2014-meneguci-orientacao-regras-legais-propagacao-especies-nativas.pdf


sábado, 28 de novembro de 2015

Resultados da Reunião de Articulação das Redes

Caros membros das Redes de Sementes 

I. Da reunião de planejamento estratégico realizada em Brasilia de 24 a 27 de novembro de 2015, temos os seguintes resultados concretos neste momento:
  • Reunião no dia 3/11 em Brasília para discutir com a Diretora do FNMA estratégias para rearticulação das Redes e Fomento a Produção de Sementes e Mudas Florestais para tendimento às políticas públicas
  • Haverá um Encontro Nacional das Redes de Sementes em Brasília, para discutir as seguintes questões:
(a) O que as Redes têm a oferecer para atender as atuais políticas públicas?
(b) Quais as principais demandas das Redes?
(c) Quanto isto custa?

Portanto, articuladores locais tratem de acionar seus parceiros para levarmos isto em mãos no Encontro das Redes.
Acesse o grupo articulador das Redes de Sementes,  o documento final elaborado e o vídeo da apresentação dos resultados finais.


Representantes das Redes reunidos pela Rede de Sementes do Cerrado em encontro realizado em Brasília de 24 a 27 de novembro de 2015

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Rearticulação das redes de sementes

A reestruturação das redes de sementes foi tema da discussão no workshop da rede sementes do cerrado.
Para iniciar este processo foi criado um Fórum de discussão no Facebook "Fórum Redes de Sementes" que estará aberto para reunir os antigos antigos e novos integrantes das redes.
Veja o documento original do Plano Estratégico gerado pelas redes.
Clique aqui:
plano estratégico

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Em 2000 foram formadas as Redes de Sementes Florestais. Neste tempo foram articuladas instituições que atuaram em ações que consolidaram momentos importantes como a publicação de parâmetros técnicos para a produção e colheita de sementes florestais, criação da figura do coletor de sementes.
Além disto, mecanismos legais como a IN nº 56/11 e a de regulamentação da análise de sementes foram criados e aperfeiçoados com as propostas das redes.

Com o novo panorama com a edição do novo Código Florestal o panorama se alterou, a demanda por sementes e mudas foi drasticamente reduzida criando uma lacuna no setor.

A demanda criada pelo PLANAVEG de restauração de cerca de 12,5 milhões de hectares e o CAR- Cadastro Ambiental Rural que vai identificar as potenciais áreas a serem restauradas. Todo este panorama gera a necessidade de se rearticularem as Redes de Sementes.



Com este objetivo, representantes das Redes se reuniram em Brasília com apoio da Rede de Sementes de Cerrado para discutir as estratégias a serem traçadas.

Um dos resultados foi a criação do Fórum das Rede de Sementes no Facebook e de um Grupo Articulador das Redes (GAR) que visa atuar na retomadas das articulações entre e dentro das Redes.

Maiores informações aqui no nosso blog ou entre em contato por email com lasem.ufscar@gmail.com.